Buenos Aires – Detalhando o roteiro – 1o. dia

Decidida a ir para Buenos Aires no calorão de Janeiro e com criança, resolvi montar um roteiro pra divertir pais e filha. Como o roteiro que recebi da agência não mencionava nenhuma atividade de criança e nada além do roteiro comum enviado quando o destino é Buenos Aires, resolvi procurar…

Vou detalhar dia a dia do roteiro nas próximas semanas.

Vamos ao primeiro dia :

Aeroporto chegada às 13h – escolhi um vôo direto, sem escalas e com um horário próximo ao início da diária do hotel, para evitar desgaste em conexões e prejuízo com diárias extras.

Para o avião e espera no aeroporto, muita paciência e uma dose de preparação e criatividade. Além de lanchinhos para o trajeto, um baralho para jogar rouba-monte, quarteto e mico (não ocupa espaço e rende muitas horas de diversão), prancha de desenho da Fisher Price (Doodle Pro) onde o desenho pode ser feito e refeito várias vezes, pode servir para jogar jogo da velha e forca ! E claro, um brinquedo preferido para ser o mascote da viagem. Nós escolhemos a Ervilhinha, que nos acompanhou por toda a viagem e por pouco não foi esquecida por lá 🙂 …

Chegando lá, a dica é trocar o dinheiro logo no aeroporto, no Banco de Las Naciones. O transporte para o hotel já fazia parte do pacote, mas eles já estão acostumados a aguardar esse procedimento.

Após o check-in e almoço fomos ao primeiro passeio em Recoleta: Exposição Prohibido no Tocar , no Centro Cultural Recoleta. É uma exposição permanente e super fácil de chegar, mas não mudem de destino quando o taxista fizer uma cara de assustado dizendo que nunca ouviu falar. Eu tive que ouvir que estava descendo no lugar errado, mas confiei na dica e achei. Logo na entrada você encontra um cartaz descrevendo o público da exposição : “Para curiosos de 4 a 100 años”

 

 

É realmente um barato! Os adultos acabam mais curiosos do que as crianças! Nessa exposição a graça é tocar, experimentar, ler as explicações de mecânica dos fluidos à matemática e lembrar do tempo do vestibular, e claro, se divertir com a compreensão dos pequenos.

Ainda na Recoleta, para os que tem filhas que ainda brincam de boneca (ou as mães que curtem ate hoje como eu), demos uma volta na feirinha de artesanato da praça principal e achamos uma barraca de roupa de Barbie com um capricho só ! Me arrependi de não ter comprado mais! Até modelito tango tinha, uma perfeição! Depois disso, para os amigos que viajam por lá, sempre peço como encomenda, novos modelitos 🙂

Fim de dia, hora do Jantar. Fomos ao La Cabaña (Recoleta)- nosso preferido – e apesar da cara arrumada, sempre fomos super bem recebidos(mesmo com roupa e mochila de turista!). Tem cardápio infantil e giz de cera pra colorir o cardápio. Aprovado pela Ju, comida excelente, ambiente super gostoso em estilo casarão antigo e um dos ambientes tipo jardim de inverno. O banheiro fica no 2o andar, e segundo a pequena, ao descer a escadaria disse que estava em um castelo 🙂

Final do primeiro dia, hora de recuperar energias no hotel para o 2o dia de viagem.
———————————————————–

 

 

La Cabaña Restaurant – Rodríguez Peña 1967, Buenos Aires

Pra quem quiser acompanhar o segundoterceiro e quarto dias é só seguir os links.

Para quem quiser conferir o roteiro resumido pode conferir no post Férias em Janeiro.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 menções

  1. […] quem não acompanhou o primeiro, segundo, terceiro e quarto dias é só seguir os […]

  2. […] quem quiser acompanhar o primeiro, segundo, terceiro e quarto dias é só seguir os links. Uncategorized « Roteirinhos no […]

  3. […] quem não acompanhou o primeiro,  segundo e quarto dias é só seguir os […]

  4. […] quem não acompanhou o primeiro, segundo e terceiro dias é só seguir os […]

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Get Adobe Flash player