Baú de Diversões – Marcha Soldado



Marcha soldado,
cabeça de papel.

Quem não marchar direito,
vai preso pro quartel.

O quartel pegou fogo,
avise o general.

Acode, acode, acode
a bandeira nacional!



Quem nunca cantou essa cantiga, na escola ou em casa, usando chapéu feito de jornal, marchando e liderando um exército imaginário ou os companheiros de brincadeira?

Boas recordações!

Meninos, então, adoram! Quando o meu filhote era menor gostávamos de brincar no estilo “siga o mestre”, fazendo caminhos tortuosos, andando rápido e devagar, em cima da linha ou sem pisar nela, enquanto íamos cantando a música. Ótimo para aguçar a atenção dos pequenos!



Como brincar:

A criança pode cantar como quiser, sozinha ou acompanhada, em uma roda, com ou sem a ajuda de um adulto. Pode ser divertido organizar as crianças em fileiras, como no exército e sugerir que cantem enquanto marcham. Para deixar a brincadeira mais desafiadora, pode-se escolher um líder – o General – e pedir que as outras crianças – os soldados – sigam seus movimentos




Agora que ele está maior (quase 6 anos!), aproveitei a sugestão do Baú de Diversões de NINHO Soleil para incluir mais um desafio à brincadeira: aprender a fazer o próprio chapéu de soldado – com participação especialíssima da vovó! Olha aí o resultado!



marcha soldado




soldado



Brincadeira boa é assim, vai acompanhando o desenvolvimento da criança, com novos desafios e possibilidades infinitas! Basta usar a imaginação! 😉



:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Hotsite Baú da Diversão – www.nestle.com.br/PortalNestle/ninhosoleil

Aplicativo Álbum de Figurinhas – www.facebook.com/ninhosoleil?sk=wall

Cybele Meyer – Blog Educa Já | Twitter @cybelemeyer

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Conheça as Embaixadoras da Ninho Soleil

Eliane Ceccon – 1001roteirinhos.com.br – (@1001roteirinhos)

Gisele Barcellos – kidsindoors.blogspot.com – @kidsindoors

Sam Shiraishi – samshiraishi.com – (@samegui)

Monica Brandão – comerparacrescer.com – (@comercrescer)

Tiffany Stica – blogdati.com – (@blogdati)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

5 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Que gostoso. Essa talvez seja uma das brincadeiras favoritas entre os avós, já reparou?! Meu pai sempre gostou de fazer chapéu de soldado e aviões de jornal para brincar conosco e até hoje gosta, porque é só os netos surgirem pela porta que ele senta e começa a dobradura. Uma música e uma brincadeira tão simples, tão arraigadas na cultura popular e automaticamente tão a ver com a cultura e a história do país… Fico feliz que continue viva junto as atuais gerações.
    Bjs

  2. Ahá!!! Esse menino vai ser um lobinho!! Olha lá fazendo a saudação quase do jeito certo, só faltou abrir os dedinhos…rs Quem sabe, né? A idade tá quase chegando!!!

    Beijos
    Tati

  3. Oiii! Adorei o post! Eu ainda tenho na memória uma peça da escola que eu e meus amigos fizemos com fantoches sobre essa música! Eu estava no quinto ano, foi tão divertido! Eu tô louca pra fazer os chapéus com os meus e brincar de marchar soldado tb! Ameis a última foto, super no clima! E a melhor coisa unindo gerações!!! 🙂
    Bjão, gi

  4. Olá Eliane, tudo bem?

    Esta brincadeira é maravilhosa e passa de pai para filho sempre com a mesma empolgação. Ela propicia que se trabalhe a dobradura, como foi tão bem ilustrada por você, desenvolvendo a coordenação motora da criança. Ao cantar e marchar a criança é estimulada no desenvolvimento do ritmo fundamental para o desenvolvimento de suas habilidades, como já falei em comentários anteriores.
    A parceria com os pais é fundamental mantendo a sintonia entre as gerações.
    É uma brincadeira simples, porém motivadora e muito eficaz.
    Parabéns pelas fotos.
    bjs
    Cybele Meyer

  5. Sabe que aqui em casa, apesar do gosto pelas artes de papel, tesoura e lápis, as brincadeiras de música do Baú de Diversões estão sendo vividas mais na base da música mesmo. Estamos numa fase tão musical que ao mesmo tempo em que me encanta, me assusta!
    Adorei ver suas fotos e entrever a casa dos avós no fundo. Que maravilha o privilégio desta convivência!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Get Adobe Flash player